Em julho de 1984, Raul Seixas lançou seu primeiro e único álbum pela Som Livre, do mesmo grupo da Rede Globo. O disco representou a volta do cantor baiano a uma grande gravadora. Em sua edição original, Metrô Linha 743 trazia encarte ilustrado por Felipe Taborda com fotos cedidas pelo Raul Rock Club, com letras de música, dedicatória, músicos participantes e ficha técnica.

O álbum parece pouco inspirado (traz duas regravações) e deixa bem clara a opinião de Raul quanto ao serviço militar obrigatório na música Mamãe Eu Não Queria, obviamente vetada pela censura para execução pública.

Preto e branco

Em entrevistas, o cantor dizia que buscou um álbum conceitual, não só nas faixas musicais, mas também no projeto gráfico do disco, como sonhava em fazer há muito tempo:

“A música é toda preto e branco. Tudo madeira, vozes, só o baixo e o juno são eletrônicos. Há anos sonhava em fazer um disco assim. O colorido aprisiona a imaginação. O preto e branco é mais forte e livre porque dá asas a cada um de projetar a sua imaginação, de criar o que você sente sem se prender ao óbvio das cores impostas pelo colorido do mundo.”

Concorrência

Apesar da quantidade de dinheiro investida e da qualidade do trabalho, as vendas decepcionaram o cantor e a gravadora. Raul atribui as dificuldades à falta de divulgação por parte da gravadora e ao lançamento paralelo de Ao Vivo – Único e Exclusivo por sua antiga gravadora, o Estúdio Eldorado.

“A Eldorado me atravessou, colocou nas lojas esse disco ao vivo exatamente quando estava chegando o ‘Metrô Linha 743’. Acabei fazendo concorrência comigo mesmo.”

A canção A Geração da Luz fez parte da trilha sonora de Plunct, Plact, Zuuum… 2, sequência do musical de sucesso do ano anterior – que também contava com uma canção de Raul Seixas – sem, entretanto, repetir o sucesso.

1984 Metrõ Linha 743

Faixas

Metrô Linha 743 (Raul Seixas)
Um Messias Indeciso (Raul Seixas / Kika Seixas)
Meu Piano (Raul Seixas / Kika Seixas / Cláudio Roberto)
Quero Ser O Homem Que Sou (Dizendo a verdade) (Raul Seixas / A. Simeoni / Kika Seixas)
Canção do Vento (Raul Seixas / Kika Seixas)
Mamãe Eu Não Queria (Raul Seixas)
Mas I Love You (Pra Ser Feliz) (Rick Ferreira / Raul Seixas)
Eu Sou Egoísta (Raul Seixas / Marcelo Motta)
O Trem das 7 (Raul Seixas)
A Geração da Luz (Raul Seixas / Kika Seixas)

Ficha técnica

Direção artística: Guto Graça Mello
Direção de produção: Alexandre Agra e Raul Seixas
Assistentes de produção: Beto Silva, Yara Vidal e Jorge Corrêa
Concepção musical e visual: Raul Seixas
Arranjos: Chiquinho de Moraes (faixas 2-4, 6, 8 e 10), Raul Seixas (1-4, 6 e 8), Rick Ferreira (5, 7 e 9) e Jairo Lara (arranjos vocais)
Direção de gravação e mixagem: Raul Seixas e Alexandre Agra
Engenheiro de gravação e mixagem: Luís Paulo Martins (Pô Pô)
Direção de arte e fotos: Felipe Taborda
Arte final e tipografia: Marc Iso
Fotos do encarte: Fã-clube Raul Rock Club
Agradecimentos: Carlos Horcades e Felipe Fonseca

Vocais: Ana Lúcia Heringer, Cecília Spyer, Nina Pancevski, Jairo Lara, Wilson Nunes, Heleno Marques, Marisa Fossa, Pedro Baldanza, Ronaldo Barcellos, Rick Ferreira, Gastão Lamounier e Raul Seixas
Piano: Chiquinho de Moraes (faixas 3, 4 e 10) e Rick Ferreira (7 e 9)
Teclados: Ricardo Cristaldi
Guitarra, pedal steel e violão: Rick Ferreira
Baixo: Paulo César Barros e Pedro Baldanza (faixas 7 e 9)
Trompetes: Márcio Montarroyos – Bidinho Spínola – Evaldo Gomes Fonseca
Trombone: Ed Maciel
Saxofone: Clive Stevens (faixa 3), Léo Gandelman e Zé Carlos Bigorna
Bateria: Ivan Conti (Mamão), Teo Lima (faixa 7) e Jurim Moreira (faixa 8)